Empreendedorismo tecnológico em alta no Brasil

Compartilhe:Share on FacebookShare on Google+Share on LinkedInTweet about this on TwitterEmail this to someone

De acordo com relatório que o SEBRAE publicou recentemente, o Brasil está se tornando um celeiro de startups – novas e inovadoras empresas – que se destacam em todos os campos. São três mil ideias criativas que são registradas diariamente em todo o país. A inovação é a responsável por esse número e, para o empreendedor, fator fundamental para conquistar mercados e negócios.

Sobre inovação e empreendedorismo, Nei Grando reuniu no livro Empreendedorismo Inovador diversas opiniões e especialistas para tratar do assunto. “Esse é o primeiro livro de empreendedorismo de base tecnológica escrito por autores brasileiros com sólidos conhecimentos, muitos com ampla experiência em startups de tecnologia. Além de empreendedores, entre esses profissionais estão presentes consultores em inovação e negócios, acadêmicos e investidores envolvidos com capital de risco, que procuraram oferecer o melhor de si para esta obra” – explica Grando.

O livro traz uma apresentação do contexto do empreendedorismo no Brasil e do mercado para empresas de tecnologia. Em seguida, aborda a carreira empreendedora e por que vale a pena empreender. Apresenta vantagens e desvantagens de se ter sócios, fornecendo sugestões e dicas que podem ser muito úteis nessa escolha. Explica por que o empreendedor deve conhecer os fundamentos de gestão e modelagem de negócios e depois detalha tais preceitos, esclarecendo o que o empreendedor precisa saber sobre: estratégia, marketing, vendas, pessoas, finanças, criatividade e inovação, networking e tecnologia.  O livro apresenta também como nasce uma ideia, mostrando como a prototipagem pode ajudar a avaliar se a sua ideia resultará em um produto ou serviço com potencial de mercado. Para ajudá-lo na modelagem de seu negócio, há elementos de criação de valor, entrega de valor  e captura de valor. No que diz respeito à busca e aquisição de investimento, consideramos os recursos financeiros próprios, com dicas de como encontrar e abordar um investidor-anjo, como apresentar o seu projeto a um investidor e se vale a pena recorrer a uma incubadora. Finalmente, consideramos porque o empreendedor deve buscar conselheiros e mentores experientes em gestão e negócios, além de como e onde obter educação e treinamento formal para empreender. Cada capítulo pode ser lido de maneira independente, de acordo com o momento que o leitor estiver desfrutando do conhecimento.

Além do próprio organizador,  o livro tem como articulistas nomes focados em empreendedorismo, tecnologia e startups.

Nei Grando é graduado em processamento de dados pela UEM, tem MBA em Administração pela FGV e cursos de extensão em Gestão do Conhecimento (FGV) e Inovação e Redes Sociais (ESPM).

 

Compartilhe:Share on FacebookShare on Google+Share on LinkedInTweet about this on TwitterEmail this to someone