Gestão de excelência

Compartilhe:Share on FacebookShare on Google+Share on LinkedInTweet about this on TwitterEmail this to someone

Os municípios gaúchos, que já apareciam com destaque em outras avaliações de âmbito nacional sob o ponto de vista da administração pública, garantiram ao Estado a condição de melhor gestão fiscal do país em levantamento recém divulgado. No ranking elaborado pela Gerência de Estudos Econômicos da Federação das Indústrias do Rio de Janeiro (Firjan), o Estado aparece como o de melhor gestão fiscal do país, com o registro de conceitos máximos em 75% dos municípios. O resultado é alentador em meio a tanto descontrole no setor público e, por isso, deveria servir de inspiração para outras unidades da federação, não apenas no Estado, mas em todo o país.

O levantamento, que inclui nada menos de 138 municípios gaúchos entre os 500 com melhor gerenciamento no Brasil, leva em conta justamente o uso adequado de dinheiro público pela prefeitura e pela Câmara. Os destaques ficaram com os que demonstram mais capacidade de gerar receitas próprias, de administrar bem os gastos com pessoal, a carga de investimentos, os custos da dívida e os chamados restos a pagar. O ranking, portanto, é um reconhecimento a administradores preocupados em gastar só o que arrecadam e em fazer o máximo com os recursos disponíveis.

O mesmo estudo, porém, chama a atenção para o fato de pelo menos 124 municípios gaúchos ainda se encontrarem às voltas com as consequências de problemas gerenciais. E é em relação a esses casos específicos que organismos ligados à administração pública precisam dedicar atenção especial.

Administrar com excelência é o mínimo que os prefeitos precisam fazer para contemplar as expectativas dos munícipes. Essa é a importância de levantamentos como o da Firjan, pois permitem aos gestores públicos avaliarem em que ponto estão e onde podem chegar, sempre procurando oferecer um maior retorno para os contribuintes.

Editorial Zero Hora.

Compartilhe:Share on FacebookShare on Google+Share on LinkedInTweet about this on TwitterEmail this to someone