Vinho não é feito de uvas, é feito de histórias

Compartilhe:Share on FacebookShare on Google+Share on LinkedInTweet about this on TwitterEmail this to someone

Forqueta, pequeno distrito gaúcho à direita de quem se aproxima de Caxias do Sul, dá origem a grandes vinhos, personagens e histórias. São rótulos, faces e momentos praticamente anônimos, porque lá o tempo gira mais devagar, num ritmo alheio à pressa que os novos apreciadores da bebida têm de julgar o que é bom ou ruim. Lá existem ótimos produtos e outros nem tanto, como em qualquer lugar do mundo. O diferencial é que a mais importante matéria-prima dos vinhos feitos em Forqueta não é a uva, mas as pessoas.

Traduzir essa unidade de contrastes não é fácil. Exigiu uma enorme carga de sensibilidade dos jornalistas Carlinhos Santos e Ricardo Wolffenbüttel, autores do livroForqueta Ltda. tempo rito lugar. A coordenação do trabalho é de Mara De Carli Santos, o projeto gráfico é de Sandro Ka e a publicação é da editora Belas-Letras.

Com textos de Santos e imagens de Wolffenbüttel (dois nomes com quem me orgulho de ter trabalhado diretamente na redação do Pioneiro), a obra foi lançada na Cooperativa Vitivinícola Forqueta. Foi uma comemoração simples, breve,  a contento dos moradores da localidade.

Clique aqui para ver uma bela galeria antecipando algumas das fotos captadas por Wolffenbüttel.

Fonte: Maurício Roloff / Enoblog / RBS

Compartilhe:Share on FacebookShare on Google+Share on LinkedInTweet about this on TwitterEmail this to someone